O SISTEMA COMPRAINER - As Caixas do Bem, foi apresentado ao mercado brasileiro e internacional na última Feira APAS - 2010, em São Paulo (10 a 13 de Maio).

Por uma gentileza da ROD-CAR, a principal empresa brasileira fabricante de produtos para Supermercados (Carrinhos, rodas e rodízios), Armazenagem, Industrial, Hotelaria e Estanteria, nossa parceira na fabricação dos Carrinhos COMPRAINER, tivemos a oportunidade de divulgar o que foi, para todos os que conheceram o Sistema Comprainer, uma das grandes novidades do maior evento supermercadista da América Latina.

Abaixo, algumas fotos do evento:


     
 
O SISTEMA COMPRAINER foi apresentado oficialmente ao mercado em Curitiba (Pinhais) na Mercosuper 2010, realizada nos dias 18, 19 e 20 de abril de 2010.

Lá esteve toda a equipe COMPRAINER:
Professor Lievore, Pedro do Amaral, Ricardo Cassiano,
Rogério Luiz de Sousa Júnior e Rogério Luiz de Sousa.
   
 

Empreendedorismo

Caixas de papelão ajudam a preservar o meio ambiente

João Paulo Freitas (jpfreitas@brasileconomico.com.br)
18/01/11 15:55


A ideia de criar opção às sacolas plásticas surgiu ao empreendedor em plena fila do mercado. Agora só falta ganhar as grandes redes.

O corretor de imóveis aposentado Rogério Luiz de Souza não para de pensar em soluções inovadoras para problemas cotidianos dos consumidores. Suas ideias já lhe renderam oito patentes, como um sistema de alarme para perda de telefones celulares, produto que permanece inédito no mercado.

No momento, o empreendedor dedica-se a convencer os supermercadistas a adotarem o Comprainer, sistema de carrinhos e caixas de papelão que visa substituir as sacolas plásticas, embalagem cada vez mais criticada pelos defensores do meio ambiente.

Tanto que recentemente a Associação Brasileira de Supermercados (Abras) firmou um pacto setorial com o Ministério do Meio Ambiente (MMA) para reduzir em 30% o uso de sacolas plásticas em estabelecimento de todo o país até 2013 e em 40% até 2014.

Souza conta que teve a ideia de desenvolver o sistema Comprainer há três anos, em plena fila do caixa de um supermercado em Florianópolis. O estabelecimento estava lotado e ele reparou na quantidade de sacolas plásticas que estavam sendo utilizadas.

"Nunca havia prestado atenção nesse aspecto, mas percebi o volume e o absurdo disso na hora em que a pessoa que estava imediatamente à minha frente chegou ao caixa. Ela deve ter usado umas quarenta sacolas", conta.


 

Ao chegar em casa, Souza fez os primeiros desenhos de sua invenção. Foram necessários alguns meses e a ajuda de profissionais de design para chegar ao modelo final: uma caixa simples de montar, resistente, reciclável e que o consumidor recebesse dobrada. O sistema ficou completo quando Souza desenvolveu carrinhos adequados ao transporte das caixas.

Alguns supermercados já testaram ou estão testando o produto, como o Hippo, de Florianópolis, e o Giassi, rede com vários estabelecimentos em Santa Catarina. Na capital paulista, o Quintal dos Orgânicos foi o primeiro a utilizar o sistema Comprainer.

Souza observa que suas caixas ecológicas são adequadas aos estabelecimentos cujos clientes, em sua maioria, façam compras de carro.

Mudança de hábitos

De acordo com o empreendedor, o sistema Comprainer exige uma forte mudança nos hábitos dos consumidores. "Por isso o sistema não decolou ainda", diz. Souza também está enfrentando outro desafio: convencer os supermercadistas a usarem seu sistema completo, não somente as caixas.

"Quando o sistema é utilizado pela metade, as pessoas não têm todo o conforto e por isso não percebem seu valor pleno", afirma.

Souza não revela o faturamento obtido até agora, já que o negócio é muito recente. Porém, o empreendedor se diz confiante em relação ao potencial de mercado do produto. Enquanto negocia com grandes redes nacionais, ele também olha para o mercado externo. "Temos uma fábrica no México produzindo nossas caixas. Já nos enviaram protótipos. A ideia é exportar o produto para a Flórida (EUA)", diz.

     
     

www.comprainer.com.br - Todos os direitos reservados - Design: Central de Criação